quinta-feira, 4 de dezembro de 2014

Menino Santo de Deus

A foto é de um presépio aguardando a chegada da sagrada família
Menino Santo de Deus 
Ajuda-me a celebrar o teu Natal e o natal de todos os que nascem, porque mereceram o milagre da vida.
Eu sou tua Belém e meu coração é tua manjedoura.
Esvazia-me de mim, para que eu tenha maior espaço para ti.

Perdão pela porta fechada e pelo quanto te fiz andar, procurando lugar para nascer.
Perdão pela fome, quando pediste pão; pela sede, quando pediste água.
Perdão pelo desamor de não te acolher como devia e não te reconhecer no rosto dos irmãos.

Liberta meus pés da poeira da estrada antiga e mostra-me a liberdade dos caminhos novos.
Liberta minhas mãos do ter sem produzir
e mostra-me a riqueza do ser cada vez mais.
Liberta meus olhos da visão estreita e pecadora e mostra-me a grandeza dos que contemplam Deus.
Liberta meus lábios da omissão silenciosa
e mostra-me a grandiosidade dos que evangelizam com seus cantos.

Menino Santo de Deus, ao te adorar revestido da nossa humanidade, quero te oferecer o ouro da minha riqueza pessoal, o incenso do meu profundo louvor, a mirra da minha essência humana.
Inspira-me em sonhos, como fizeste aos magos, para que eu volte à terra da minha vida por um caminho novo, que não passe pelos Herodes, que desejam matar todas as crianças, para te destruir, Menino Santo de Deus.

Coloca tua luz nos meus olhos e tua energia nos meus pés, para que eu possa andar na claridade.
Coloca teu amor em meu coração e tua palavra nos meus lábios, para que eu possa anunciar a boa nova da tua encarnação, Menino Santo de Deus.
  
José Acácio Santana
Nossos artigos são para divulgação e ficamos felizes quando você compartilha. Pedimos porem que não esqueçam de citar a fonte.

Comente com sua conta do Face