quinta-feira, 28 de junho de 2012

Oração para o final do semestre - Férias


Senhor! Estamos chegando ao final de mais um semestre e aqui estamos reunidos somente para agradecer:
Pelo sol, que nos aqueceu e iluminou nossos caminhos quando tudo parecia nublado!
Pelo brilho da lua, que na escuridão das noites sombrias iluminou nosso céu!
Pelas estrelas cintilantes que enfeitaram as noites sem luas como diamantes reluzentes!
Pela vida que nos destes gratuitamente, e, pela disponibilidade em servir os nossos semelhantes, através da profissão adquirida com os dons e talentos, concedidos a nós sem nada pedirdes em troca a não ser o trasbordar do amor!
Mais uma etapa se encerra Senhor, e cremos firmemente que o convívio valeu a pena. Ensinamos, mas também aprendemos. O aprendizado abriu novos horizontes para novas descobertas. Viajamos em tantas áreas da ciência. Conhecemos tantos períodos da história. Viramos cientistas, atletas, malabaristas na arte de viver. Desvendamos segredos das Exatas. Tornamo-nos mais sensíveis, mas também mais confiantes. Chegamos vivos até aqui, e estamos reunidos para evidenciar nossa gratidão por estarmos juntos, como uma verdadeira família que somos.
Alguns se despediram e partiram para uma nova seara. Cresceram. Amadureceram. Mudaram de tamanho, de opinião, de ideais, seguiram outros nortes. A maioria voltará no segundo semestre com novas histórias para contar. Virão carregados de expectativas. E tudo retornará ao seu curso como a água toma o leito do rio. E sem mudar muita coisa, tudo será diferente, Nada se repetirá, assim como a cada dia, uma nova oportunidade surge com um alvorecer de novas expectativas. As férias são um momento de reflexão. É um corte no tempo para que se possa rever tudo o que foi feito no primeiro semestre, corrigir o que não ficou direito, e seguirmos direção ao pódio. É uma pausa na tempestade da vida para que a bonança revigore nossas forças.
Seis meses advêm tão depressa, são tantos afazeres que não percebemos como o tempo passa carregado de acontecimentos, que ora surpreendem e ora alimentam a rotina. Não sobrou tempo para prantear o que ficou faltando, pelas promessas não cumpridas, a vontade de fazer tanta coisa. Mas não é tempo para lamentações e sim de novas promessas. É tempo de renovar aquelas que parecem ter sido prometidas tantas vezes e que ainda não alcançaram a realização. Não importa. Não podemos é deixar de planejar, de sonhar, de viver esperanças de um futuro melhor para os nossos filhos e para os filhos de nossos filhos. E o segundo semestre não pode começar sem sonho, senão, não viveremos a maturidade, não gozaremos do prazer de ver tantos projetos realizados porque estávamos juntos.  Porque um esteve sempre pronto a ajudar o outro, de uma maneira que se confundiam. Todos pareciam um. E um viveu a emoção de poder contar com o outro. Cada um completou a tarefa do outro, num amor sem pretensões ou cobranças. E é por isso que somos vitoriosos.
Senhor. Vivemos juntos mais um semestre. E como isso foi bom. Tivemos, sim, problemas. Algumas separações, algumas quedas, vivemos a incerteza do amanhã, mas na certeza de estarmos vivos, juntos, e dispostos a recomeçar. Não queremos o desânimo dos que acham que tudo será como tudo sempre foi e que novidade é coisa de românticos.
Queremos um coração capaz de vibrar. Queremos a fortaleza dos que não se abatem e a sabedoria dos que experimentam o novo sempre com um singelo sorriso.
Senhor! Obrigado pelo amanhecer e pelo entardecer. Obrigado pelos problemas que surgiram e pela disposição de superá-los. Obrigado pelas feridas e pelas cicatrizes. Obrigado pelas nossas famílias, porto seguro onde ancoramos nosso barco. Obrigado pelo ombro amigo em que recostamos nossa cabeça quando precisamos, e pelo braço forte e a mão amável que sempre esteve estendida para nós.
Obrigado, Senhor! Sabemos que há muito a se fazer para que o mundo seja melhor e pouco a se lamentar. E é por isso que somos gratos. Quem sabe, daqui para o final do ano, as utopias que alimentamos não se convertam em realidade! Quem sabe revigorados, sejamos capazes de lutar com mais brio pelos ideais que temos.
Agradecemos-te ainda por todos.
Finalmente, Senhor! Agradecemos-te por sermos quem somos e por contar sempre com a sua presença em nossas vidas, porque acima de tudo és Pai. Pai Nosso...
Amém!

Comente com sua conta do Face